.

BOTE FÉ! Jornalismo a Favor da Cidadania!

O TEMPO


NO TEMPO CONSTRUÍMOS A VOZ, A VIDA, A CHEGADA E A PARTIDA, A SAUDADE

NA VOZ REACENDEMOS A FÉ PERANTE O CANTO, O LEVANTE, O HORIZONTE, OS OLHOS A ALMEJAR O ENCANTO, ESPERANÇA,

NA POESIA, A INSPIRAÇÃO,O CORAÇÃO, A CADA DESENCONTRO, O ENCONTRO, SINAIS
ALI TÃO FÁCIL, COMO O VENTO QUE SOPRA SUA FASE, RECOMPOR 

O QUE SE COMPÕE FICA NA HISTÓRIA, NA MENTE, NO SANGUE, MOMENTOS, 
O SENTIDO, O CORAÇÃO A PALPITAR O RECOMEÇAR DA CANÇÃO, MIRAGENS,

DO BRUTO, DO DOCE, DO APRENDER, MARCAS, 
DO GRITO, DO SILÊNCIO, REBELAR, LIBERTAR 
DO CHÃO O AR, OS PÉS A TRILHAR, SONHOS
SEJA O QUE FOR, NA FLOR, NO PERFUME QUE ENVOLVE, NO SENTIR,

E O QUE ESTÁ AQUI, APENAS O CANTO PARA CANTAR, FELIZ.

---------------------------------------------------------------------------------

VENDO O AMANHECER, ACORDADO NA IMENSIDÃO DAS HORAS, VEJO RUAS VAZIAS E CORPO ESPOJADO NA 

EMBRIAGUES DOS PENSAMENTOS. REAPARECEM AS DIMENSÕES ABSTRATAS, ELAS REINAM COMO A AURORA DO OUTONO,DESFAZ A POEIRA DO VERÃO EM 

VELOCIDADES,FAZ VIVO O CALOR, O ESTAR VIVO, O SENTIR NOS ENCONTROS E OLHARES QUE VIVEM A NOS RODEAR,TANTOS SENTIDOS PARA QUE O SANGUE 

CONTINUE A CORRER NAS VEIAS ABERTAS, PROVOCAM A LUCIDEZ DO SER, TALVEZ UM DEUS, UM LOUCO.TANTOS RISOS, VERDADES ORQUESTRADAS E NADA SE SABE,CANÇÕES.DE LONGE O CHEIRO E DE PERTO O 

CAMINHAR, DIREÇÕES EM EQUAÇÕES LUDIBRIANTES,INQUIETAÇÕES PARA EXPLICAR O QUE 

NÃO É ÓBVIO E PARA NÃO DORMIR PERANTE OS SONOLENTOS, ACORDAR.DEIXA ASSIM, COMO AS NASCENTES DOS RIOS, FIRMES E SIMPLES, SE 

TRANSFORMAM EM CORRENTEZAS E A SUA GRANDEZA EXPLICA, A EXISTÊNCIA...
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial