.

BOTE FÉ! Jornalismo a Favor da Cidadania!

Cineasta Ipiauense lança filme sobre o Cine Éden




Você sabia que em Ipiaú já funcionou um cinema e que hoje não tem mais?

Você sabia o nome e onde ficava o cinema?

O cinema era conhecido como Cine Éden e ficava no prédio, onde hoje é uma loja de móveis, que fica em frente à Praça Ruy Barbosa.


É fácil localizar pela arquitetura do local. Várias pessoas se locomoviam para assistir filme, teatro ou show.

Imagem do Cine Éden: foto retirada  do Avaaz.org
Na verdade, o cinema era um ponto de encontro que agregava uma diversidade cultural imensa na cidade de Ipiaú.

Você vai saber mais desse assunto por meio do documentário Cine Éden, produzido pela Voo  AudioVisual.

De acordo com o diretor do Filme e filho de Ipiaú, Edson Bastos, em entrevista ao blog Vicente Andrade, a obra começou a ser gravada  em 2009.

Edson Bastos; Foto do Face Book


“O curta, Cine Éden, começou a ser filmado no ano de 2009, mas foi pensado desde 2006, quando comecei a pesquisar sobre o antigo Cine Teatro de Ipiaú. O material ficou guardado, esperando a gravação de mais depoimentos e só foi finalizado através do Edital Calendário das Artes, promovido pela Fundação Cultural do Estado da Bahia, no ano de 2013”.

Ainda de acordo com Edson, “a nossa intenção era a de sensibilizar a população e poder público, com o objetivo de reativar o antigo Cine Teatro, dando mais opções de lazer aos ipiauenses preservando a nossa memória, tão surrada”.


Realmente parece que a cidade está esquecida em relação à cultura, pois, Ipiaú é permeada por uma grande diversidade cultural que infelizmente não tem espaço, até porque, não tem um centro de cultura ou algo parecido para apoiar os artistas.

Mesmo assim, Edson frisou a satisfação em produzir o filme.

“Foi uma satisfação imensa e uma emoção grande vê-lo tomando forma, saindo da prateleira. Ter contato com antigos proprietários, com moradores que fizeram a história daquele local, de personalidades que passaram de projecionistas a protagonistas de filmes, do antigo roleteiro, das crianças que hoje já são senhores. O Cine Éden é uma possibilidade de encontros.

Petição oline Cine Éden  

Está rolando na net uma petição para reativar o Cine Éden e sua participação é importante. Se você for a favor dessa causa entre no link e vote. É gratuito.


foto retirada  do Avaaz.org


Ficha técnica

Além dos depoimentos e belas imagens do documentário, a trilha sonora não deixa a desejar. As melodias causam emoção do início ao fim do filme.

O filme está disponível pelo link do Jornal Correio da Bahia.   

Edson Bastos

Edson Bastos é especialista em audiovisual pela Universidade Estadual de Santa Cruz em Ilhéus-Ba (UESC). Além disso, é graduado em comunicação social com habilitação em cinema e vídeo pela Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC).

Edson também é diretor e roteirista do curta “Joelma”. O curta foi selecionado por meio do edital de Cultura LGBT, do Governo do Estado da Bahia e promovido pela Fundação Pedro Calmon. 

O filme “Joelma” também foi eleito como melhor curta-metragem pelo público, no Festival Mix Brasil de 2011.

Além de “Joelma”, Edson recebeu Menção Honrosa no XII Festival Nacional de Vídeo – Imagem em 05 minutos pelo filme “Veras”.

Outro destaque foi o curta  “É proibido menino calçado entrar na escola” recebendo o Prêmio ABCV Melhor Filme do XVI Festival Nacional 5 Minutos Expandido.
Parabéns Edson Bastos e continue assim!

Ficha técnica 

Direção e Montagem: Edson Bastos e Henrique Filho

Roteiro, Pesquisa e Produção Executiva: Edson Bastos

Direção de Fotografia: Carine Barreto e Henrique Filho

Montagem e Finalização: Henrique Filho

Programação Visual: Kaula Cordier

Trilha Sonora: Ayam Ubráis, Ismera Rock e Samuel Touchê

Realização: Voo Audiovisual

Ano: 2013

Documentário

Duração: 15min

Vicente Andrade
Informações: Correio da Bahia



Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial