.

BOTE FÉ! Jornalismo a Favor da Cidadania!

Programa ciência sem fronteira corta bolsas de estudos



Você já imaginou ficar sem dinheiro, longe de sua casa e familiares e ainda permanecer em situação ilegal num país do exterior?
Pois é, essa situação está acontecendo com alguns estudantes brasileiros que estão doutorando em outros países e que dependem da bolsa de estudos oferecida pelo governo federal por meio do programa Ciência sem fronteira.
Cada aluno recebe um valor equivalente a 8 mil reais e tem contrato assinado com o governo de 4 anos. Além disso, o beneficiado tem por obrigação enviar um relatório anual para renovar a bolsa.

Até agora quatro estudantes tiveram suas bolsas interrompidas após a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) dar o parecer negativo sobre o relatório dos estudantes.

De acordo com o Jornal GGN, “Um dos doutorandos diz que sua bolsa foi indeferida com um parecer de três linhas, que dizia que seu relatório estava redundante. Ele diz que enviou diversos documentos para a Capes pedindo a reconsideração do parecer, incluindo uma carta do seu orientador europeu, mas não obteve resposta”.

Outro temor é que as bolsas estejam sendo cortadas devido à crise econômica do nosso país.

Agora fica uma incógnita, o que levou a crise em nosso país? Quem paga as contas pelo assalto aos cofres públicos e o roubo descaradamente?

Estranho tudo isso!


Vicente Andrade  
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial