.

BOTE FÉ! Jornalismo a Favor da Cidadania!

Delegacia contra a violência da mulher poderá ser implantado na Bahia




No primeiro trimestre do ano passado (2016) a Bahia registrou cerca de 10 mil casos de violência contra a mulher incluindo ameaças, homicídios, agressões físicas, lesões corporais e estupros.

O Número já é alarmante e ainda tem casos que não foram denunciados, ou seja, a estatística ainda pode ser maior. Foi criado em 1999 o dia internacional da violência contra a mulher.

Fora a data de comemoração também existe diversos movimentos feministas que lutam por direitos e também pela ascensão da mulher na sociedade.

Delegacias especializadas

A comissão de Defesa dos Direitos da mulher aprovou o Projeto de Lei 5475/16, que obriga os estados brasileiros a criar delegacias especializadas em crimes contra a mulher.

O projeto de lei encampado pela deputada Gorete Pereira (PR-CE) impõe aos municípios que tenha mais de 60 mil habitantes a implantarem a delegacia contra a mulher.  

Um dos objetivos principais do projeto é acolher as mulheres que são violentadas física ou moralmente. De acordo com a proposta, os estados terão o prazo de cinco anos para criar as delegacias. O prazo vale a partir da publicação da lei.

A tramitação
Para valer concretamente, o projeto será analisado pelas comissões de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.
Claro, para da um fim na violência contra a mulher é necessário educação e consciência humana. 
Vicente Andrade

Fonte Amambai notícias 
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial